Fotos: Reprodução

saíba mais
17 de Setembro, 21:23

Retroescavadeira pega fogo em trem em movimento e incendeia ao menos 20 fazendas em Goiás

 


Composição percorreu cerca de 30 km com a máquina em chamas antes de ser parada, segundo o Corpo de Bombeiros

 

 

Um incêndio de grandes proporções causou prejuízos para produtores do sudoeste de Goiás. Uma retroescavadeira pegou fogo enquanto ainda era transportada por um trem. Segundo o Corpo de Bombeiros de Goiás, o maquinista não se deu conta do acidente e seguiu viagem. Com isso, as chamas se alastraram por 30 km do percurso, atingindo pelo menos 20 fazendas.

Vídeos gravados por moradores da região mostram o rastro de fumaça, que começa no município de Pires do Rio, passando por Urutaí, até chegar em Ipameri. Um dos vídeos mostra um boi com dificuldades para caminhar no pasto após ser atingido pelo incêndio. Informações da imprensa local destacam a preocupação de zootecnistas com as áreas de pastagens atingidas pelo fogo.

De acordo com o Sindicato Rural de Ipameri, ainda não é possível calcular os prejuízos causados pelo acidente. No entanto, além das áreas de pastagens, o fogo pode ter atingido lavouras de soja, milho e sorgo da região.

O incêndio durou mais de 30 horas, tendo início na última terça-feira, 15, e foi controlado apenas na tarde de quarta-feira, 16. Em nota, a VLI, empresa responsável pela operação da ferrovia, disse que disponibilizou equipamentos para o combate às chamas e ainda está apurando as causas do incêndio.

Texto: Paulo Santos, de São Paulo

Notícias relacionadas