Fotos: Thielli Bairros | Sedec MT

saíba mais
01 de Julho, 22:01

Sistema criado em MT para acesso a empréstimos empresariais será utilizado por outros estados

 

 

Mato Grosso é a primeira unidade da federação a digitalizar as cartas-consulta do FCO Empresarial
 


Mato Grosso criou o primeiro projeto para digitalizar pedidos de empréstimos junto ao Fundo Constitucional do Centro Oeste (FCO). O Estado já iniciou o processo de digitalização das cartas-consulta para contratação de recursos e a medida deverá ser implementada em diversos Estados.
O projeto foi apresentado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) nesta quarta-feira (01.07) para representantes do Governo Federal, instituições financeiras e governos estaduais. A reunião online teve a participação de secretários de Estado representando os Conselhos de Desenvolvimento dos Estados do Centro Oeste, da Superintendência de Desenvolvimento do Centro Oeste (Sudeco) do Governo Federal e instituições financeiras, como Banco do Brasil e Sicredi.
O superintendente da Sudeco, Nelson Fraga, parabenizou a equipe mato-grossense pelo desenvolvimento do sistema e se mostrou empolgado em iniciar o processo em todos os Estados da Região Centro Oeste.
“Acreditamos que este sistema criado pelo Estado de Mato Grosso é um avanço importantíssimo para a gestão do FCO. Vamos verificar como integrar com a base de dados da Receita Federal e, com a colaboração de todos, iniciar o processo em todos os outros Estados o mais rápido possível”, afirmou.
O sistema estadual será integrado com o do Banco do Brasil e fará com que os processos sejam totalmente preenchidos pela internet. De acordo com dados da Coordenadoria de FCO Empresarial e Rural da Sedec, 40% das cartas-consulta retornavam por erros no preenchimento ou falta de informações relevantes, pois era documento facilmente editável e não exigia preenchimento obrigatório.

“Mato Grosso está mais uma vez na vanguarda com este projeto totalmente desenvolvido pelos servidores da Sedec, equipe muito técnica e eficiente. Sob o comando do governador Mauro Mendes, seguimos com o compromisso de trazer celeridade aos processos e mais possibilidade de acesso aos recursos do FCO”, disse César Miranda, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico.
O gerente executivo do Banco do Brasil, Emmanoel Schmidt Rondon, disse que a digitalização resultará na melhoria do processo e também agilizará a tomada de crédito pelos empresários. O processo de digitalização está iniciando com as cartas-consulta do FCO empresarial. Em breve, os produtores rurais também poderão acessar para o FCO Rural.

Texto: Thielli Bairros | Sedec MT

Notícias relacionadas